quinta-feira, março 30, 2006

O Momento

“Lá fora” não existe,
O passado e futuro fundem-se
Numa quimera inexistente,
E nem mesmo o presente é presente,
Apenas o momento!

O mundo não gira,
As rodas param,
E toda a gente se queda,
Perante a felicidade,
No momento!

Estabelece-se o diálogo mudo,
Dos gestos e dos sentimentos,
Do olhar e do amar!
É o momento!

O momento…
Em que o prazer transpõe
O desejo, a realidade,
E se apodera dos nossos sentidos,
Da nossa vontade,
Dos nossos actos!
Na conjugação dos nossos corpos,
No calor dos nossos sentimentos,
Sinto-te perto de mim,
Sinto-te junto a mim,
Com alma e ser,
Com todo o teu querer,
Controlando o meu ser e o meu querer,
Onde o pensamento deixa de existir,
E começa a realidade,
Do momento!

3 comentários:

Anónimo disse...

lindo!!!

JOCARES disse...

o paulo gonzo dizia logo "Deixa-me ter um momento"

mas tá porreiro...

kitty disse...

Que bom que era que a vida fosse apenas feita "destes" momentos...