quinta-feira, março 23, 2006

Um Raio de Luz

Vivemos na escuridão da vida,
Sem que de tal nos apercebamos,
Até que,
Num momento único,
Vislumbramos um Raio de luz,
Que iluminando-a,
Nos mostra uma realidade,
Que não nos sendo desconhecida,
Estava escondida, adormecida,
Num canto recôndito da nossa alma,
Do nosso ser.

Um Raio de luz,
Assumindo formas múltiplas,
Com diversas possíveis origens,
Que com uma tal imensidão,
Na abrangência do nosso ser,
Nos leva a interrogar,
Senão a nossa existência anterior,
O porquê da mesma.

Sempre fomos,
Mas não víamos o todo que éramos,
Sempre estivemos,
Mas não víamos o todo do onde,
Sempre existimos,
Mas não atingíamos a plenitude da nossa existência!

O que impedia a luz de chegar a nós,
O que não permitia que a víssemos,
O que fazia da escuridão o elemento absorvente,
O que…

Por vezes nunca chegamos a saber,
Por vezes sabemos, mas não percebemos,
Por vezes percebemos, mas não aceitamos,
Por vezes sabemos e aceitamos,
Mas porque não gostamos,
Preferimos ignorar.

Assim somos nós,
Assim somos todos,
Assim não é ninguém!

Mas o mais importante,
É que cada um de nós,
Consiga ser,
O seu próprio,
Raio de Luz.

4 comentários:

papoila disse...

"Um raio de luz" um simples raio de luz que altera a vida de uma pessoa. onde está? o que se faz para o encontrar? beijos blogger

Brain disse...

Fica atenta.
Quando menos esperares, ele aparece!

Kiss,
Me.

Anónimo disse...

sabes, vou contar-te um segredo: há raios de luz espalhados por aí. há uns que aquecem mais do que outros, mas por vezes desaparecem, como a chama de um fósforo. há outros que não aquecem assim, mas estão sempre lá. eu tenho, felizmente alguns assim. não muitos, admito. um deles conheces muito bem. trata bem dele(a). este "meu" raio que é mais teu do que meu tem-me ajudado imenso. espero um dia se necessário conseguir retribuir. outros segredo: por de trás de um raio de luz forte e lindo está outro de igual densidade. ****

Anónimo disse...

É sempre bom saber que para além de sermos o nosso próprio raio de luz, podemos também ser o raio de luz de alguém...Afinal, a vida para ser bela deverá ser com muitos raios de luz.

Eu felizmente tenho o meu, que para mim é de todos os raios aquele que mais brilha, sem o qual a minha vida seria uma escuridão...