sexta-feira, junho 30, 2006

Fico até Adormeceres

Será isto é amizade ou amor?


Fico até Adormeceres
(Paulo Gonzo)

Se quiseres,
Até nem falo,
Ouço só o que disseres,
Vem deitar-te no meu colo,
E diz tudo o que quiseres,
Fico até adormeceres.

Se quiseres,
Mando calar,
O vento que vem do mar,
Rasgando a noite crua,
Ou então,
Se preferires,
Só para te distraíres,
Eu faço dançar a lua.

Fico até adormeceres,
Fico enquanto tu quiseres.
Fecha os olhos se quiseres,
Só até adormeceres.

Deita fora,
As tuas penas,
Pela janela para o rio,
Se quiseres
Eu fico apenas,
Até ver se tu serenas,
A proteger-te do frio.

Fecha os olhos se quiseres,
Que hoje tudo o que disseres,
Nunca sairá daqui.

9 comentários:

Putty Cat disse...

Primeiro, parabéns. Atingiste as 400 visualizações!
[Clap clap clap]

Bonita, a letra!
Poderá ser amor e poderá ser amizade.
Aplicável aos dois sentimentos.
Mas a forma como está estruturada a letra, penso que ronda mais o Amor.

papoila disse...

concordo contigo putty...

papoila disse...

eu convidei a minha irmã mais velha a vir aqui... espero que ela adira...

irmã mais velha? sim. para além de amigos, grandes amigos que tenho, exitem duas pessoas que para mim são como minhas irmãs. uma mais próxima mas com uma forma diferente da minha de estar perante a vida e outra, menos presente, mas mais parecida comigo...

Andarilhus disse...

Bom fim de semana para todos... Vou ver se velo pelo adormecer de alguém...
Fiquem bem... "(º0º)"

Andarilhus disse...

Acabo... e recomeço: Boa semana para todos!

Flôr disse...

bom dia,
Boa semana.

Andarlhus disse...

Podemos nós ser felizes pela simples e humilde dedicação ao nosso semelhante?
Podemos nós ser felizes quando, nessa dedicação, nos despimos do nosso próprio interesse e mesmo do instinto de pensarmos sempre primeiro na nossa pessoa?
Podemos nós ser felizes, assim “rendidos” a outro, canalizando todos os nossos esforços no contributo à outra felicidade?
E onde fica o EU, então?
… talvez, num olhar e num sorriso de alegria, na contemplação do bem estar daquele(s) que dão ao EU o privilégio de ser um ponto de referência, de apoio, de sustento. A dádiva de dar sem esperar receber.

Putty Cat disse...

Boa Tarde

Não creio que alguém faça outro feliz se não se sentir feliz.
É quase como uma ida ao dentista qdo levamos anestesia.
Fazemos as coisas mas é como se nos sentissemos anestesiados. Nada sentimos.

Putty Cat disse...

Hoje, brindo aos meus amigos:
Aos que gostam de mim.
Aos que me apoiam.
Aos que me aturam.
Aos que me seguem nas minhas maluquices.
Aos meus cumplices.
Aos que permanecem, no matter what.
Aos que me mandam uma msg só para dizer que gostam de mim.
Aos que me ligam de madrugada, pq estão com insónias.
Aos que sabem alimentar a amizade.
Aos que se aborrecem por alimentar a amizade.
Aos que prezam o valor da amizade, acima de qq outra coisa.
A todos os meus amigos, que mesmo longe, continuam firmes e não esquecem, tal como eu não os esqueço.
Enfim! A todos os meus amigos, que me fazem sorrir, o meu muito obrigada por fazerem parte de mim!

Um beijo do tamanho do alcance dos meus braços a todos eles.
Poucos(as) mas Bons(as)!!