segunda-feira, junho 18, 2007

Há dias que não acabam


Há dias em que o sol não se põe,
Mistura-se com o mar,
E produz ondas iluminadas,
Que em vagas contínuas te trazem até mim,
Embrenha-se na espuma,
Borda dos nossos lençóis,
Imiscui-se na areia,
Personificação do palco do nosso amor.

Há dias que não acabam na noite,
Prolongam-se no luar,
Reflexo da tua lembrança,
Prolongam-se nas estrelas,
Polvilhadoras do céu,
Como os teus beijos sobre o meu corpo,
Prolongam-se no sono,
Que nos sonhos te têm presente.

Há dias que não se esgotam nas horas,
Prolongam-se na boca,
Que mantém o teu sabor,
Prolongam-se no olfacto,
Que ainda sente o teu odor,
Prolongam-se na pele,
Cujos poros guardam partículas de ti.

Há dias que nunca acabam,
Ficam para sempre gravados na nossa memória,
E nela se perpetuam,
Vindo até nós por diversas vezes,
Trazidos pelas mais diversas impensáveis coisas.
Pelas feridas de uma persiana por fechar,
Pela cor de um céu observado de soslaio,
Rasgado por um fiapo de nuvem
Perdido da sua origem,
Pela tonalidade do som
De uma música que toca algures,
Pela dobra de um lençol
Num formato peculiar,
Pela tonalidade parda
De um candeeiro de pé,
Por um pedaço de papel
Mesmo que em branco,
Pelas letras deixadas num qualquer livro,
Numa conjugação de palavras,
Evocativas de ti.
Sempre de ti.

Todas as coisas,
Com um algo de memória,
Familiar de dois,
Numa cumplicidade única,
E muitas das vezes,
Quase indecifrável,
Até,
Para nós próprios.

Assim tenho muitos momentos,
Que guardo na memória de nós.

Momentos reconfortantes,
De aconchego de alma,
Que muitas das vezes me surgem,
Vindos do nada,
Vindos de tudo o que me rodeia,
Porque praticamente tudo,
Me fala de ti,
Porque em praticamente tudo,
Estão fragmentos de ti.

Por isso,
Há dias assim!

Dias que simplesmente…
…simplesmente…
…não acabam!

64 comentários:

wife disse...

E que bom que são estes dias
Gravados na nossa memória, para sempre...

Beijos
TUA

Helena Nunes disse...

São dias intermináveis mas, cheios de prazer e esses não devem ter fim.

Desculpa a ausência.
Bjos

Som do Silêncio disse...

Olá Brian

Dizer que escreves bem já deves estar farto de ler.
Dizer que gosto de te ler, é outra daquelas que já te disse vezes sem conta.
Assim sendo...não digo mais nada (risos)

Beijo Silencioso

*Telma* disse...

Há dias que, indiscutivelmente ou involuntariamente, ficam para sempre na nossa memória e no nosso coração... Dias bons ou maus... Temos tendência a recordar todos, mas os bons ficam mesmo para sempre!... Beijos

Monólogos.by.Paula disse...

Brian,

Já não sei mais o que dizer perante tão bela escrita.

Fazes desplotar em mim um redemoinho de sentimentos que não te consigo explicar.

Se há textos que me prendem, são todos aqueles que envolvem a natureza com os sentimentos, principalmente, com Amor.

Amigo, os meus parabéns sinceros.

Passa no meu cantinho, tenho um miminho que gostava que aceitasses.

Jinhos

Lya disse...

...Um nó no peito...


gostava de ser eu a escrever assim :)

Tu mereceste!


beijo

maria josé quintela disse...

o tempo em linha recta...

gasolina disse...

Dias eternos.
Dias de fragmentos, pedacinhos que os olhos recolhem quando pestanejam na alma e levaremos para todo o sempre e em qualquer lugar.

Este teu poema deixou-me o peito cheio.
Obrigado por o dares a outros olhos.

beijo.

Monólogos.by.Paula disse...

Lindo,

Passei apenas para te dizer que me podes tratar por Paula.

Sim, é meu desejo que recebas o selo.

És, na verdade, daqueles a quem o ofereço sem qualquer tipo de dúvida. Sei que sabes que sim.

Jinho grande

as velas ardem ate ao fim disse...

Adorei!

Realmente às vezes parece que não tem fim...certos dias.

bjinhos

Fofa disse...

É...

Há pequenos nadas que se transformam num todo inesquecível.
Pormenores indecifráveis que a nossa memória não esquece.

E a vida não seria a mesma sem esses dias.
E nós não seríamos quem somos sem essas lembranças.

Bjo fofo

ninfa de chocolate branco disse...

Há dias em que são,como a pedra que caí no mar,uma grande agitação..
um abraçops - gostei do teu blog- parabéns

Ana disse...

São enebriantes os teus poemas.
Adoro a forma como livbertas os sentidos.

Um abraço.

Crystal disse...

Eu diria antes que há amores que não acabam...

Belissimo, uma vez mais!

Aquele beijo

Estranha pessoa esta disse...

E há dias como esses que tardam em chegar..


.. Há realmente muitos dias assim!
...


Como sempre palavras envolventes.. sensibilida À flor da pele!

Abraço desassossegado para ti **

Azul disse...

Olá Brain!

Quando o sentimento que se tem dentro de nós, que nos despertam é assim imenso, tão imenso que quase não cabe em nós... os dias não acabam. Tornam-se tão imensos quanto o sentimento gravado na memória, tatuado na pele, guardado no coração...

Beijo
Azul

Amor disse...

E uma vez mais leio-te e não tenho palavras... Isso não se faz, como esperas que comente os teus maravilhosos textos se nem sei o que dizer? :)

Abraço carinhoso

Putty Cat disse...

:)

Sorriso para ti, misturado com um beijo.

Secreta disse...

Há dias eternos ...!
Beijito.

Claudia disse...

Quem dera que todos os dias fossem assim... Para Sempre...

O meu beijo

Branca disse...

E ainda bem que assim é...
Como nos fazem sorrir a recordação desses dias ou nos fazem chorar, pois existem dias maus que também não esquecemos...
Os dias que não acabam fazem-nos sentir, lembram-nos de viver, de sonhar, de mudar, de melhorar...
Os dias que não acabam mostram-nos quem somos...

Beijinhos e Boa Semana :)

Utzi disse...

Há dias em que o que lemos nos toca na alma... :) Este é, para mim, um deles.

Beijo

Diva disse...

ha dias que nem comecam... terminam antes disso. Umas vezes beijo esses dias. Outras vezes amo-os de tal forma que nao sei se estao apenas comecando ou se ja terminaram.
Bjs meus

sonhadora disse...

Do teu post saiu um aroma que acendeu uma estrela no meu coração.
Beijinhos embrulhados em abraços

Maria-treva-flor disse...

Há dias para tudo, há dias para nada.
Há dias em que o sol parece não querer acordar e outros que só nos apetece adormecer apesar de fazer sol.
Há dias...que um belo poema faz da noite ser dia.

obrigada por este dia!

beijo*

whispers disse...

Hello!

Cada dia e uma pagina nova para se escrever uma outra historia..

Tem dias que os vejo passar em sonho coloridos, e outros que sao tao cinzentos que mal me reconheco nesses dias
Que teus sejam todos coloridos
beijos mil
Whispers

Textos e Textos disse...

Esses dias são mágicos.

Beijo

Cris disse...

Há dias que não se esgotam nas horas,
Prolongam-se na boca,
Que mantém o teu sabor,


E assim é, há dias que não acabam, continuam construindo as nossas vidas...


beijinho
C.

sonhadora disse...

Caminho pelo prazer e pelo sonho.
Serei lua no teu canto.
Há pessoas que não podem acabar.
Beijinhos embrulhados em abraços

Um Momento... disse...

"Há dias que não acabam na noite,"

E noites que não acabam num dia
Mergulhei no mar...

Um beijo de e por este Momento(",)

madrugada disse...

Brain,
mudei o endereço do meu blog: http://madrugada31.blogspot.com.

Podea apagar comentario.

sonhadora disse...

"Não te digo tanto quanto quero, nem te faço tanto quanto sonho"

Maria Teresa Horta


Beijinhos embrulhados em abraços

NARNIA disse...

Há quem componha musica, quem pinte quadros, e há quem escreve assim. Tão natural como respirar, as ideias fluindo no tempo que desliza suavemente...

***** :))

Carla Martins disse...

belo poema, adorei

borrowing me disse...

memórias
que compõem a nossa alma, jamais alterada pelos sinais do tempo

deslumbrante, rico, alusivo a uma verdadeira paixão

bjs

Som Do Silêncio disse...

Como eu queria ter um dia interminável desses em que só a acabasse quando eu quisesse...

Desculpa a ausência mas tenho andado algo para o introspectivo ultimamente...

Um Beijo em Silêncio

Som do Silêncio disse...

Olá!

Passei para deixar um beijo.

Beijo Silencioso

gasolina disse...

Brain,


Dás um pulo ao meu canto, pf?

Obrigado, beijinho

Monólogos.by.Paula disse...

Migo,

Bigada pela companhia no meu momento silêncio. Senti bem pertinho de mim a tua voz, o teu carinho, a tua amizade.

Obrigada, Adoro-te. Jinhos

sonhadora disse...

Acende-se a lua cheia
caem corpos na areia
sedentos de amor
vem sonhar por favor

Beijinhos embrulhados em abraços

gasolina disse...

Brain,

Obrigado por teres acedido ao meu pedido e espero que aceites a minha intenção.

Deixaste palavras que para mim são flores, que é um dos meus presentes favoritos. Todo o mais que disser é repetir-me, contudo a minha gratidão é imensa.

Um beijo.

PS.: estou a gostar muito. Até pela surpresa do estilo. Muito mesmo.

Lya disse...

Um desafio, que tal tu escreveres um texto, e um compô-lo, para o teu blog e para o meu?

beijo

Cris disse...

Beijinhos e bom fim de semana
Cris

©õllyß®y disse...

Olá visinho, hoje só

Na noite de S.João
Um a um se vão juntando
nesta noite com requinte
põem-se as tristezas de lado
até há manhã seguinte


Doce beijo

beleza de mulher disse...

por vezes o sol vem e vai sem o vermos

betty boop disse...

Esses momentos reconfortantes é
que têm o poder de prolongar os dias, aconchegando-nos a alma.

Um beijo da Betty

P.S Obrigada pelas palavras deixadas no meu último post. A pintura deve ser para mim o que para ti é a poesia. Completa-nos.

Um Momento... disse...

Bati á porta
Não estavas...
Deixo um beijo..
E votos de um bom fim de semana (",)

FreeTime disse...

xogVisita o blog que pode mudar a tua vida.

http://dimar71.blogspot.com

divulgue.

impulsos disse...

Há dias assim...
Em que vale a pena perder um pedacinho de tempo a ler algo tão belo como o que escreveste!
Obrigada por este pedacinho que ganhei aqui!

Beijo

Ana disse...

http://encontrosluminosos.blogspot.com/2007/06/as-7-maravilhas.html

Uma nomeação para ti:)

Isabel disse...

Era tão bom que certos dias não acabassem...

Bjt e boa semana

Helena Nunes disse...

Deixo-te um beijo e uma boa semana.
Nos meus dias de desabafo, arranjei tempo e comecei a ler-te. Ainda não acabei mas, fez-me bem.
Bjos

Ana Luar disse...

Há dias assim!

Por isso é que eu me perco na imensidão de cada dia... Apenas por isso!

Kalinka disse...

Olá Brian

Huummmm, como gostei das tuas belas palavras; revi-me em algumas situações.

Tenho feito alguns posts sobre o nosso Portugal, precisamente do Alentejo profundo.

Eu - através do kalinka, vou dando e recebendo prémios deste Mundo maravilhoso que é a Blogoesfera.

E, também ofereço as lindas palavras em forma de poesia de Rogério Simões.

Boa semana.

PAH, nã sei! disse...

Há dias que deveriam ser esquecidos...

sonhadora disse...

há momentos que devemos prolongar...
Beijinhos embrulhados em abraços.

Cris disse...

Há dias que acabam quando chega a noite, e nela desvendamos os timidos segredos à luz da vela, ditos num sussurro, murmurados num beijo.

Cris

Tempestade disse...

Muito rico o teu texto.

Muito obrigado pelas tuas visitas.

Abraço

Monólogos.by.Paula disse...

Passei para deixar uma beijoca com carinho,

Paula

mariazinha disse...

dias perfeitos...
beijos

Branca disse...

Olá! Passei para vos desejar uma boa semana :)

Então, contando que as coisas correm bem, menino ou menina?
Já deve dar para saber, não?...

Beijinhos!

Aspásia disse...

OLA BRAIN

HÁ DIAS QUE EU DEVIA TER LIDO ESTE POEMA... MAS SÓ MESMO HOJE FOI POSSÍVEL...

HÁ DIAS QUE NÃO DEVIAM ACABAR... NAO SÓ PELA INTENSIDADE DA VIVENCIA, COMO PARA PODERMOS VIVÊ-LA SEM PRESSAS, DEGUSTANDO CADA MOMNETO, CADA OLHAR, CADA CARÍCIA, CADA PALAVRA DE UM SER AMADO !!

QUE ESSES DIAS DE INSPIRAÇÃO NÃO SE TE ACABEM JAMAIS E NOS CONTINUES A BRINDAR COM POEMAS COMO ESTE...

BEIJINHOS***

Twlwyth disse...

Sentir e crescer na memória um do outro. Muito bonito este poema Brain.

Vity disse...

Ola...

Sim ... ele ha dias ... ha momentos que não acabam nunca... que vivem para sempre dentro de nós ... na nossa memoria e no nosso coração...

É tão bom ter destes momentos ... para recordar...

Lindissimas as tuas palavras

Adorei
Beijo
Vity