terça-feira, agosto 28, 2007

Rescaldo


No rescaldo de ti,
Das linhas do teu corpo,
Dos braços do teu abraço,
Das tuas mãos nas minhas,
Dos dedos entrelaçados,
O carinho.

No rescaldo de ti,
Da dádiva do teu beijo,
Do desejo da tua boca,
Da dança das línguas,
Do deleite dos lábios,
O teu sabor.

No rescaldo de ti,
Do despique dos corpos,
Do sentir da pele na pele,
Dos braços, das pernas, dos troncos,
Do orvalho dos dois,
O teu cheiro.

No rescaldo de ti,
Das palavras em surdina,
Dos sussurros libertados,
Dos gemidos incontidos,
Dos sentires consentidos,
O sorriso.

No rescaldo de ti,
Dos teus olhos nos meus,
Dos teus olhos fechados,
Das tuas mãos em mim,
Dos teus afagos,
Dos suspiros,
Das almas,
O Amor.

No rescaldo de ti,
O tudo...
...de Nós!

17 comentários:

Estranha pessoa esta disse...

No rescaldo dos entretantos da vida o sabor dos momentos idos.. as saudades dos afagos ainda não suspirados.
---

Saudades de sentir estas tuas linhas.

A minha ausência devesse entre outras coisas a problemas com a 'net' .

Espero que tenhas nas malas de féria muitos sorrisos.

Abraço grande para ti ***

Flor disse...

És o cúpido do teu Amor!Sempre um alvo, uma acção, o fermento desse teu sentimentio nobre o puro como as águas cristalinas.
Ao teu lado um coração atingido. dilatado.Dois serem uma fusão e frutos desse AMOR!
bjs para vocês.

as velas ardem ate ao fim disse...

Sabor...sabe bem saborear os Nós.

bjinhos e bom regresso

Um Momento disse...

Uauuuuu
Que belo regresso
Adorei ler-te, sentir tais palavras
LINDO!!!!
Beijo enorme de quem ja tinha imensas saudades de te ler
:o))))))))))


(*)

CM disse...

Depois desta aus�ncia o teu regresso merece louvores... bel�ssimo este amor que nos descreves.

Beijo, para ti Brain

Vertigo disse...

voltaste EM GRANDE :)*

beijinhooo

gasolina disse...

Na avalanche do sentido, do sentir, a conjugação perfeita do uno.

Um beijo.
feliz da tua volta!

Som Do Silêncio disse...

Meu Querido Brain

Um regresso em grande como só tu sabes fazer.
Perdi-me mas tuas palavras...

P.S.: quanto ao assunto lá do meu cantinho, o teu link nunca sequer esteve em causa, adoro vir ler os teus poemas lindos e sensuais. E obrigado pelas palavras carinhosas.

Um Beijo Doce e Silencioso te Deixo

mariazinha disse...

Ainda bem que (já) voltaste!
Linda a partilha do teu "nós"...
Beijos

Som do Silêncio disse...

Olá Brian!

Grande regresso!
Gostei como sempre gosto de te ler.
Espero que as férias tenham sido agradáveis!

Beijo Silencioso

Utzi disse...

Adorei este teu regresso... Que de tímido não tem nada ;)

Beijos

Azul disse...

Dear Brain!

Não direi saudades de te ler porque fui passando...umas vezes deixando sinal outras não.

Mas digo-te que é muito agradável voltar a ler o sentimento que sempre colocas nas palavras que escreves.

É bom ter-te de volta, neste espaço que me faz sempre refletir.

Desejo que as vossas férias tenham sido extraordinárias.

Um beijinho
Azul

PS: Obrigada... pelo teu abraço.

PAH, nã sei! disse...

Rescaldos...
que vontade de (re)construir...

NETMITO disse...

Gosto da tua forma de escrever...profundo..como os sons da alma...que se dividem entre o ser e não ser...o caminho é aberto é preciso permanecer...

Abraço...)

Maria José disse...

Os pequenos detalhes que tornam grande a simplicidade da partilha de seres...

Branca disse...

Olá! Já de volta?! Espero que as férias tenham corrido bem...
Pela bela escrita com que nos presenteias calculo que sim... :)

O nós é mesmo o tudo, concordo contigo e não acrescento mais nada, está tudo dito!

Beijinhos e continuação de boa semana :)

Papoila disse...

No rescaldo do Amor ...a dor

Bjs
BF