segunda-feira, setembro 03, 2007

Curtas 11 – Impossíveis


( ... )

- “Diz-me: se somos impossíveis, porquê continuar assim, como estamos?”


Impossíveis? Nós somos impossíveis?
Sabes o que te digo?

Impossível, é ser estúpido ao ponto de não (querer) viver este amor;
Impossível, é tentar descrever o que sinto por ti;
Impossível, é conter-me quando estou junto a ti;
Impossível, é pensar em ti e não sorrir;
Impossível, é pensar em ti e não sentir a respiração a acelerar;
Impossível, é não olhar o céu sempre que estou fora;
Impossível, é estar muito tempo sem te procurar na lua;
Impossível, é não estar constantemente a pensar em ti e em nós;
Impossível, é segurar este sentimento que só cresce, cresce e cresce e CRESCE em mim;
Impossíveis?

Nós não somos impossíveis.
Nós tornamos o impossível possível.
Nós fazemos o escuro brilhar,
Nós fazemos as trevas luminosas,
Nós somos muito mais que aquilo que imaginamos.

E eu, que para nós desejei uma história bonita,
Tenho a certeza que ela assim será,
Porque eu sei,
Eu sinto,
Eu vivo,
Eu sou,
A vontade de te ter,
A vontade de contigo estar,
A vontade de te abraçar,
Com gestos, com beijos, com palavras,
A vontade de seguir,
A vontade de fazer,
Sempre,
Cada vez mais,
Sob todas as formas e sentidos.

Eu,
Que te quero levar comigo,
Que te quero mostrar lugares,
Que te quero dar sensações, sentires,
Experiências até à data sem igual,
Também eu vivo a diferença,
Pois ao teu lado,
Ao teu lado tudo é diferente,
A luz tem outra intensidade,
A cor tem outros tons,
O som é mais límpido e nítido,
Os cheiros são mais puros,
E o cheiro da tua pele,
O cheiro de ti,
Em mim,
Espalhado sobre mim,
No olfacto,
Na roupa,
No corpo,
Na alma,
Eleva-me,
Faz-me querer ser sempre mais,
Faz-me querer ter sempre mais de ti,
Faz-me ser Maior,
Maior do que eu próprio,
Maior do nós dois juntos,
Maior do que a nossa longevidade ou mesmo a eternidade.

E Tu,
Diva inspiradora de mim,
Diva dos meus sentires,
Das minhas palavras rabiscadas,
Dos meus desejos mais profundos,
Dos meus pensamentos mais arrojados,
Tu,
Tu comandas as minhas mãos, os meus dedos,
Quando pousam no teclado,
E numa torrente de batidas,
Despejo de uma assentada,
As palavras que arranco de dentro de mim,
Que se atropelam, se espezinham, se sobrepõem,
Na luta pela primazia do existir,
Tal é o rol, a quantidade de conteúdos,
O turbilhão de sentimentos em sentidos,
Que despoletas em mim,
Que me injectas nas artérias,
Deixando prostrado,
Com o corpo fragilizado, tremente,
Rogando descanso,
Qual anjo alado,
Na senda da cura de todos os males,
Qual guerreiro único de uma causa,
Na conquista de um império,
Qual simples mortal que me revelo e sou,
Na vivência deste nosso amor.

Por isso te digo:
Impossíveis? Nós somos impossíveis?
Não…

Impossível é o mundo,
O mundo das pessoas,
Que nele habitam,
Sem conhecer um sentimento como este,
Que nos transcende,
Nos espicaça em contínuo,
Nos arranca pelas raízes,
E nos leva para lá das nuvens,
Onde ficamos a pairar.

E eu acredito que assim é,
Pois sempre que te quero ter,
Elevo os meus olhos,
E mesmo que em imagem ficcionada,
És tu que reflectes no fundo da minha retina,
És tu que ecoas nos meus sentires,
És tu,
Quem me preenche por inteiro,
Poro a poro,
Célula a célula,
Gota a gota,
De mim,
Que se encontra,
Tanto,
E sempre,
Em ti.

Por isso Meu Amor,
Por isso não digas que nós somos impossíveis,
Porque impossível,
É eu não te ter,
Sempre,
Assim,
Aqui,
Bem dentro de mim,
Preenchendo-me,
Por inteiro,
Fazendo-me sentir,
Sempre,
E cada vez mais,
TEU!

31 comentários:

Putty Cat disse...

Impossível é não adorar esta tua Curta, juntamente com a certeza de todos os teus "possíveis".

Fabuloso.

Aquele Beijo

Secreta disse...

Fantásticas palavras !
Impossivel é acreditar no impossivel...
Beijito.

as velas ardem ate ao fim disse...

É impossivel não gostar deste teu texto.

bjinhos

Som do Silêncio disse...

Fossem todas as curtas assim...

Estás fantástico na escrita, Brain!

Beijo Silencioso

Rafaela disse...

Quando me Beijas
Tomas minha alma
E adota meu corpo
Beijas-me na boca da noite
E pelas calçadas das ruas
Exala-se o perfume
Da flôr de nossos beijos
Tua suave boca Sobrepõe a minha
E adota meu corpo
Quando me beijas
Tornas minha alma
Parte de tua cobiça.

Uma ótima Semana!! Beijinhos!!

Memórias de Um Sorriso Luso ® disse...

Se existe uma destinatária destas tuas palavras, deve sentir-se uma princesa.

Lindo! Gostei!

Take care

poca disse...

bom seria que os dois sentissem essa força que torna possível..

e sim.. é impossível. sempre que só UM quer, só UM sente, só UM acredita..

Utzi disse...

Bem... Sem palavras.

Beijo

maria josé quintela disse...

nós, que somos possíveis, inventamos os impossíveis.

escrita torrencial de quem abre as comportas da alma - a tua.

obrigada pelas tuas palavras.

um beijo.

Ima disse...

Gosto de te v(l)er de volta...
Beijo

Brain's wife disse...

Meu querido Brain
Impossível é não amar quem fala assim, quem escreve assim e principalmente quem pensa e vive assim.

Excelente "Curta".

Beijos
TUA

Maria-treva-flor disse...

Bem, impossível é chamares-lhe de "curta" e sair âmago...que me fez viajar a lugares que nunca ninguém viu, impossível?só eu sei o que senti!

beijo*

gasolina disse...

Impossível é conter as palavras em torrente, saídas desse amor.

Um beijinho.

adc disse...

O Amor é... possivel!

Bjs desarrumados da adc

http://poemasdesarrumados.blogspot.com

Lya disse...

olá Brainnnnnnnnnnnnnn :)

desculpa andar ausente... hihihihi... mas regresso em breve.

beijooooooo

Branca disse...

Bem, que doce dedicação...
Sei lá, fiquei com inveja, a mim ninguém me escreve algo tão belo...
Vou sair daqui e fazer um protesto em casa, ou me escrevem um texto bonito ou ficam a pão e laranjas durante um mês! Não quero saber!

Agora a sério,
lindo, envolvente, encantador, "sorridente"...
Não existe palavras para descrever a tua curta...
Também não é preciso, tu sabes o que estavas a sentir e o significado que ela tem para ti melhor do que ninguém...

Boa semana! Beijinhos :)

mariazinha disse...

impossível é ler isto e não ficar com um sorriso do tamanho do mundo... por partilhar disto que vocês sentem!

Beijos

Alex disse...

Ol� Brain,
Se eu fosse de poucas palavras, depois de ler as tuas palavras diria apenas: ai Brain.

Sabes? um ai? um ai de espanto, de admira�o perante o teu talento.

Talento natural tem outro sabor, vem de dentro, � arrancado, � gritado. Maravilhoso, t�o maravilhoso o que escreveste e a forma INTEIRA como te entregas.

Adorei, que mais posso dizer? Adorei.




Obrigada pelo que me escreveste hoje no amarras. Tens raz�o, sou de vagas e n�o tenho outra maneira de ser ou de sentir.

um grande beijinho para ti.

Alex disse...

E sabes o que � mais incr�vel?
� n�o conseguir sair daqui:)

Maria José disse...

Desabafo gritante de esperança, revolta, choro, sorriso amargo, recordação.

Humano, no fundo.

madrugada disse...

Há força nestas palavras.

Bravo,
Brain,
bravo.

Um abraço.

Entre linhas... disse...

Palavras de muita força,demonstram um grande setido das coisas.
Bjs Zita

ailéh disse...

lindissimo este impossivel,possivel...

Memórias de Um Sorriso Luso ® disse...

Bom dia para ti.

Vity disse...

Olá,

Porque as palavras me faltam
Para transmitir a emoção
Que as tuas me provocam
Deixo-te apenas um beijo no coração

Vity

Paula disse...

Desculpa...mas por enquanto tem que ser assim...

Recebe um beijo cheio de ternura, carinho e amizade, desta que muito te estima

WHITE ANGEL disse...

É mesmo impossível não gostar da tua escrita. Sinto cada palavra que escreves...
Beijos breves...

PAH, nã sei! disse...

.... .....

Azul disse...

Dear Brain!

Refugiada no meu silêncio tenho passado para te ler (sempre). Correndo o risco de me tornar repetitiva... admiro cada vez mais a tua forma de escrever, o teu sentimento, o teu sentir.

Impossível é... passar por aqui e ficar indiferente ao que se lê.

Possível é... esse Amor Lindo que têm um pelo outro.

Um beijo
Azul

Teresa disse...

Impossivel, foi parar de ler estas palavras!
Impossivel, foi não sentir o coração a bater mais forte!
T

Flor disse...

É impossível, não te ler e sentir o quanto amas e tens dentro de ti de sentimento para brotar.
FeliZ de quem te tem, quem te conhece e de quem te saba ler...Em cada letra, fica um sentido que queres transmitir, partilahr, ensinar os outros a verem.
Por vezes tanto se encontra junto a nás e os olhos teimam em não ver , porque o coração se fecha.
Obrigado pela boa onda que a todos passas e insistes em que façamos algo para também nós, não sermos "Impossíveis"!bjs