quarta-feira, setembro 19, 2007

Eu? Eu provavelmente falava-te...


Eu?
Eu provavelmente falava-te,
Do calor tépido que de mim emana,
Que em mim está sempre presente,
Por te saber aí,
Por te saber assim,
Por te ter,
Tão completamente,
Absorvida em mim.

Esse mesmo calor,
Que ao toque dos teus dedos inflama,
Que só de olhar-te aumenta a chama,
Deixando-me em tão completo ardor,
Que me chega a fazer questionar,
O porquê deste tanto amar,
Qual a sede de todo este Amor?

Eu provavelmente falava-te,
Que as necessidades físicas
Quase não existem,
Quando nos alimentamos de um sentir,
Tão forte,
Tão pleno,
Que nos tira por completo a fome,
Nos ilumina o ser,
Nos mostra o caminho,
Nos faz rir dos medos,
Nos enche de alegria
Provocando-nos um sorriso contínuo,
Nos enche os ouvidos com os sons do mundo,
Que até então sequer eram sentidos.

Eu provavelmente falava-te,
Deste sentimento,
Que nos faz esquecer toda e qualquer dor,
E nos preenche as saudades,
Pois é tão pleno,
Tão absorvente de energias,
Que não deixa lugar para outros,
Que por serem menos "nobres",
Não têm lugar em nós.

Eu provavelmente falava-te,
Da minha aprendizagem,
De que no Amor,
As razões pouco interessam,
Que as vontades são Maiores,
Que as coisas simples, são as mais complexas,
Que o impossível se torna possível,
Que o Nós é bem Mais do que o Eu,
E que eu não preciso de te tentar compreender,
Pois Tu...

Tu és parte de mim,
Estás-me no sangue,
És-me intrínseca,
E que por isso...

Por isso eu não estou sempre a teu lado,
Mas sempre, sempre em Ti,
Como Tu, igualmente, sempre em mim!

E eu...
Eu não preciso de te dizer,
Eu não preciso de te falar,
Eu não preciso de me fazer notar,
Perante ti,
Com bens, gestos ou palavras,
Porque tu estás,
No início dos meus pensamentos,
No fim do meu olhar,
E é lá,
Sempre lá,
Que tu me aconteces,
Naquele fio de tempo,
Em que olhos nos olhos,
As nossas almas,
Conversando em surdina
Uma com a outra,
Silenciosamente
Se fundem,
E renascem conjuntamente,
Dia após dia,
Num acto único,
A duas mãos,
Que unidas,
Podem calcorrear todos os caminhos,
Alcançar todos os objectivos,
Ser em tudo a unidade,
Que faz,
Que consegue,
Que acontece,
De uma forma,
Simples,
Mas completa.

Eu?
Eu provavelmente falava-te de tudo isto...

Simplesmente,
Se tu me dissesses,
Tudo isso!

31 comentários:

Ly disse...

Nossa, fiquei inebriada aqui

beijos Ly

Putty Cat disse...

A menina aqui de baixo, ficaria certamente satisfeita, com tão NOBRE resposta às suas interrogações.

Excelente, como sempre.

Aquele beijo.

maria josé quintela disse...

o amor fala por ti!

Isabel disse...

Como é bonito, puro e doce o que escreves.
Como é dificil comentar algo tão belo.
Só o amor faz escrever assim. Com tanta tanta paixão, tanto fervor, tanta alma. Só o amor faz abrir abrir assim o peito, soltar assim a voz, encantar assim com palavras.
Só o amor e a sua força.
Só o amor faz com que o desejo e a vontade sejam mais fortes que todos os ses.

... no Amor,
As razões pouco interessam,
Que as vontades são Maiores,
Que as coisas simples, são as mais complexas,
Que o impossível se torna possível,
Que o Nós é bem Mais do que o Eu...

No amor como em tudo que verdadeiramente importa na vida a vontade é maior, a simplicidade o mais dificil de alcançar, o mais impossivel é sempre possivel, e NÓS é bem mais que EU, mas para haver Nós tem de haver dois EUS com essa maravilhosa vontade, com essa maravilhosa força que tu tens em ti e espalhas pela tua escrita.

Adorei.

É bom ver que ainda há quem acredite no amor assim.
Da maneira como o escreves.

Isabel

brain's wife disse...

Simplesmente se eu te dissesse que
TE AMO DEMAIS?

Beijos
TUA

mariazinha disse...

provavelmente...

bonito :)

beijo

Som do Silêncio disse...

Brian e respectiva Wife :)

Lindos vocês, sabiam?
Esse amor...é lindo!
E mais não digo...

Sejam felizes, sempre...assim!

Beijo Silencioso

teresa disse...

A Melhor resposta! Sem duvida!
T

Sha disse...

Eu...
guardo e retribuo o beijo sentido.
Eu...
agradeço, com carinho, as palavras que me deixaste.
Eu...
continuarei a visitar este teu canto, onde se vive o amor, a paz, o carinho, a amizade e se respira pureza de sentimentos.

Porque gosto de te encontrar por aqui, ainda que passe em silêncio.

Beijo e um xi-coração
Sha

Ana disse...

Provavelmente dizes tudo isso e mais.

Fabuloso!

Um beijo.

Vertigo disse...

Sabes brain,eu não consigo escrever assim ;) tu fazes-lo MUITO bem!
beijinhos

Isabel disse...

O café vai ficar, com certeza, para um dia.
Mas hoje, só passei para te deixar um beijinho e um até breve.

Bjt

Maria José disse...

Eu, provavelmente diria que são palavras de cumplicidade as que li...

:)

gata disse...

Supostamente, quando se fala olhos nos olhos como tu dizes, não precisa de se dizer mais nada.
E se estás, sempre....
é procura de confirmação??

Beijo de gata

su disse...

E provavelmente fala, com o poder das palavras nascendo através do olhar...com a magia encantada de quem se deixa prender pelas palavras que recebe como a mais bela prenda que se pode ter à face da Terra...com o poder natural que deixas fluir de cada letra tua encostada uma à outra como quem acaricia lentamente e etrnamente cada partícula do ser amado, cada poro da pele que se encosta, quente, na suavidade do toque das tuas palavras...
De certeza que se complementam na mais extraordinária plenitude do AMOR.


Sem palavras de novo, brain...já te perguntei isto, mas para quando o livro?!

Lindo!

Alex disse...

As palavras saem-te assim não é? Sem esforço nenhum? Claro que sim, és fantástico e o mais incrível é que fazem tanto sentido para quem te lê.

Um beijo Brain

Azul disse...

Dear Brain!

É com um sorriso terno que termino de ler o que escreves. Fogem as palavras do muito que poderia "falar-te" mas não serão necessárias. O sentimento que tens e que em ti despertam está ai.

Um grande beijinho aos dois.
Azul

Utzi disse...

Que lindo amor... :)

Beijo

impulsos disse...

É...
Provavelmente não será preciso.
As vossas almas conversam entre si, enquanto as vossas bocas se calam... no cruzamento de um profundo olhar seguido de um beijo urgente e apaixonado.

Beijinhos, muitos

PS. Muito obrigada pelo teu comentário ao meu post da Magia.
Gostei imenso do que escreveste!

o_cao_que_morde disse...

Desculpas mas tenho que divulgar
Á uma iniciativa da Animal, que visa alterar a legislação no que diz respeito à protecção dos animais.
Eu tenho um link no cabeçalho do Blog
Vai ver e assina se concordares e já agora divulga por favor
Obrigado

Twlwyth disse...

Brain,

É sempre um prazer renovado encontrar nos teus poemas emoções tão intensas que descreves tão bem.
Gostei especialmente desta parte: "Por isso eu não estou sempre a teu lado,
Mas sempre, sempre em Ti,
Como Tu, igualmente, sempre em mim!"

Os teus comentários foram sempre recebidos de forma especial na cidade. Aparece para um até breve.

Um beijo intenso como os teus poemas.

Secreta disse...

Perco-me nas tuas palavras!
É impossivel não sentir o fervor com que as escreves , com que as sentes.
Beijito.

TiBéu disse...

Gostei do poema emboraa che um pouco grande, está lindo.. Bom fim de semana e um bj

Simone disse...

Espectacular!
Parabéns!

Telma disse...

Eu provavelmente também falava, mas por vezes, quando não encontramos palavras suficientemente capazes de nos exprimir, mais vale ficarmos no silêncio!

Beijos

PS - Aos poucos vou voltando, com menos frequência, mas este mundo bloguiano já faz parte de mim...

Maria-treva-flor disse...

Diria......Provavelmente o texto que mais gostei.
(espero os seguintes...)

beijo*

WHITE ANGEL disse...

Aqui ouço falar o Amor, a Cumplicidade, a Entrega...
Beijos e sorrisos com carinhos...

Flor disse...

tenho orgulho, que seres humanos vivam sentam, e partilhem tão bem;com carinho, suavidade, este amor.
Como bálsamo, todos ficam envolvidos nessa atmosfera que ainda bem, alguns conhecem, ou criam.Não li o poema, achei extenso, mas do que li, mais os comentários, vós sois o cheiro da Primavera, na alma de quem sente as coisas e define e busca sentimentos sinceros.
Que te leia e vos veja , sempre assim.
Que Felicidade , criar os vossos tesouros numa casa com tanto SOL.
Feliz por te comecer, Feliz, pela cumplicidade amorosa que vos enlace e vos envolve de forma una.
Bj para ti Brain.Mereces tanto, és grandioso.Wife, se tivesses, não sei que tens a noção da raridade que possuis.Se assim é , tu também o merecerás.bjs

Jose disse...

Mais um poema fantastico.
Olha amigo aproveita ao maximo esta paixão e procura manter a chama bem acesa.

Aquele abraço.


José

PAH, nã sei! disse...

Eu...
eu...

fico cheia de inveja ao ler-te... :)

Flor disse...

Falas por vezes em fontem, sede de Amor em Alimento.
Que Musa te inspira, que valores te revestem????SEcas a Alma, a quem sofreu desilusões, alimentas o espírito a quem recusa lutar.
Cada palavra é a prova mais evidente do Amor que tu conseguiste acumular.
Esse que transborda para os teus, e esses são tantos, porque sentem sempre quem precisa do testemunho,
e sem palavras, com meros olhares, tu passas a força.
ÉS UM GRANDE HOMEM, fruto muito provabelmente de muito Amor.
Pois só sabe dar quem tem...
Obridada pela partilha....