segunda-feira, março 27, 2006

Chamem-me

Chamem-me estúpido, por fazer gratuitamente aquilo que outros fazem por muito
Chamem-me burro, por aceder a tudo o que me pedem
Chamem-me parvo, por dar aos outros o que é meu
Chamem-me cobarde, por não ligar a provocações
Chamem-me piegas, por chorar com a desgraça alheia
Chamem-me infantil, por me deitar no chão a brincar com as crianças
Chamem-me sentimental, por ficar triste com a tristeza dos outros
Chamem-me palhaço, por fazer brincadeiras para obter um sorriso
Chamem-me desinteressado, por não ver notícias para estar com os amigos
Chamem-me menina, por não gostar da dor física
Chamem-me inconsciente, por gostar de conduzir depressa,
Chamem-me exibicionista, por gostar de usar coisas caras,
Chamem-me o que quiserem,
Mas acima de tudo,

CHAMEM-ME!

1 comentário:

JOCARES disse...

PSSSSTTTT, sim és tu mesmo que estou a chamar... tu fala bonito, sim senhor!! mas isto até parece a publicidade da TMN "Até já...", imaginem se um dia eles descobrem isto?

Nunca mais param de chamar...